O e-commerce de moda está apenas engatinhando no Brasil

O e-commerce de moda está apenas engatinhando no BrasilA japonesa Rakuten é uma das dez maiores redes de varejo do mundo, com 37 mil lojas e presente e, 14 países. No ano passado, iniciou sua operação no Brasil com a aquisição da Ikeda e a inauguração do shopping online Rakuten.

Em todos os mercados que atua a empresa possui forte atuação no segmento de e-commerce de moda e por aqui também não será diferente. Até porque, na visão da rede varejista japonesa, o Brasil possui um enorme potencial ainda pouco explorado. Do faturamento total do comércio eletrônico em 2011, o setor de moda representou apenas 5%, mas em 2012 espera-se uma participação bem maior neste mercado.

Para apresentar as oportunidades do mercado, o executivo Alessandro Gil apresentou a palestra “O e-commerce está na moda: por que vender pela internet combina com sua marca?” Os aspectos abordados foram:

Vantagem em investir em multicanais – loja física, virtual, catálogo vistual e  etc

  • 70% dos consumidores pesquisam online e compram offline
  • Consumidores que compram através de 2 Canais são 3 vezes mais rentáveis que os que compram em apenas 1
  • A cada dólar gasto no eCommerce influencia $ 5,77 gastos nas lojas físicas.
  • De 50-70% dos consumidores trocam de canal quando iniciam um processo de compras
  • Quando trocam de canal 45- 50% dos consumidores trocam o varejista

Sua loja precisa ter uma identidade que a diferencie para as consumidoras. Alguns exemplos:

  • Loja simples – Dafiti
  • Consultoria de moda – O Q Vestir
  • Conceito – Gallerist, Gap
  • Estilo – Net a Porter

Desafios e soluções para seduzir as clientes

Tocar o produto

Uso de fotos de alta qualidade, descrição detalhada e lúcida dos produtos, explorando as características quando necessário.

Logística

Priorizar o tempo de entrega (ansiedade mata), incluir a embalagem como parte da experiência de compra.

Hábitos e recorrência

Criar engajamento, mapear ações de recompra, premiar os melhores consumidores, tornar o preço de frete mais acessível para compras de menor valor.

Conceito e experiência

Vídeos, fotos, embalagem. cheiro, descrição, comentários, interatividade. Não faça as pessoas comprarem um pedaço de pano.

Avalie este artigo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here