Erros de SEO no e-commerce – Conheça os principais

Conhecer os principais erros de SEO no e-commerce dá a você a oportunidade de se precaver e evitar esse problema que tanto prejudica a exposição de lojas virtuais nas páginas de respostas do Google e outros grandes buscadores.

Como marketing de busca é uma das principais fontes de tráfego de uma loja virtual, um erro neste canal de divulgação pode ser fatal para o sucesso de um e-commerce.

Não saber onde usar as palavras-chave certas

Para utilizar corretamente as palavras certas, primeiro você precisa saber quais são elas. Saiba o que seu cliente digita nos buscadores e na busca da sua loja e utilize essas palavras em locais de maior relevância para os robôs de busca.

Os robôs entendem que as tag titles (título da página) indicam exatamente o que encontrar na página, então, use as palavras que informem exatamente a marca, produto, modelo e características do produto em questão.

As palavras que trazem relevância para o seu produto devem estar na heading H1, na tag title e também na tag alt das imagens.

Não usar URLs amigáveis

Uma dica fundamental em termos de SEO em lojas virtuais é trabalhar as URLs das páginas de produtos. Verifique se a URL da página de produto pode ser compreendida por seres humanos ou se apenas é entendida pelo seu sistema. Como assim?

Se a sua URL for algo parecido com http://www.sualoja.com.br/d/1zIGhVQh3-Z-TpNYg74eRvWkCoui_.html , PARABÉNS, você tem uma ótima oportunidade de corrigir esse erro terrível e deixá-la mais parecida com http://www.sualoja.com.br/categoria/marca-nome_do_produto-modelo.html

E porque isso é tão importante? Primeiro porque antes mesmo de clicar na URL, os clientes mais experientes já têm uma ideia do que encontrar na página que irá visitar. Além disso, o Google entende que aquilo que você digita nos buscadores estão em maior evidência nas páginas que possuem as mesmas palavras na própria URL. Simples assim!

Títulos duplicados nas páginas

Tão ruim quanto ter conteúdo duplicado de sites terceiros é ter os títulos da sua própria página duplicados. Esse problema pode acabar sendo enorme pra quem vende muitos produtos de uma marca específica ou produtos com pouca variação entre si.

Os buscadores entendem que muitas páginas com títulos duplicados são algum tipo de truque para tentar enganá-los pra que as lojas ganhem relevância de forma desonesta perante os buscadores, sendo assim, eles excluem dos seus resultados páginas com títulos iguais.

Por isso, na tag title da página de produto, seja específico o suficiente para diferenciar mesmo os produtos similares da mesma marca.

Descrição de produto mal elaborada

Utilizar termos técnicos também pode ser um tiro no pé porque o seu usuário final dificilmente vai procurar por esses termos nos buscadores. Erros de digitação, além de serem péssimos pra imagem da sua loja, também acabam impactando negativamente na indexação da página.

Saiba quais são as palavras-chave mais relevantes para o seu tipo de produto e use-as no máximo 4 vezes na descrição do produto, para isto, utilize o Google Webmaster Tools, ferramenta gratuita que a gigante de Mountain View disponibiliza para você analisar quais as palavras mais relevantes para a sua loja.

Mas de nada adianta se você não escrever um texto que faça sentido e seja de fácil compreensão. Gaste um pouco mais de tempo e veja os resultados que uma descrição bem feita pode trazer para suas vendas.

Descrição de produtos copiada de outras fontes

Este é um dos erros básicos dos lojistas virtuais, pois, na maioria das vezes, há uma pressão muito grande para que o cadastro dos produtos seja feito o mais rápido possível para o lançamento da loja e, caso a loja possua mais de 500 itens, esta tarefa acaba se tornando lenta e cansativa e os lojistas acabam caindo na tentação de procurar por descrições prontas ou muitas vezes apenas copiam o que está na embalagem do produto.

Para criar uma descrição que aumente sua relevância para os buscadores, nunca copie descrições prontas, seja da internet, das embalagens dos produtos ou mesmo as enviadas pelos fabricantes, pois muito provavelmente seu concorrente fez o mesmo.

O problema é que os buscadores comparam o seu conteúdo com o dos concorrentes e entendem que a sua descrição é uma cópia do que já existe disponível e penaliza sua loja por considerá-la menos relevante.

Esse é sem dúvida alguma um dos principais erros de SEO que uma loja virtual pode cometer.

Dica – Enquanto você não cria descrições próprias para os milhares de itens da sua loja, adicione a meta tag NO INDEX na página dos produtos com descrição copiada para que os robôs do Google ignorem a página e sua loja não seja penalizada por isso.

Principais erros de SEO no e-commerce

Conteúdo duplicado nas páginas da loja

Nas páginas de produto, é normal que alguns textos apareçam várias vezes, por exemplo sua política de entrega ou sua política de privacidade.

Você não quer que sua loja seja indexada com palavras como frete, cálculo ou mesmo política de privacidade. Para reduzir uma indexação incorreta e inevitável, você pode usar a tag canonical para informar aos robôs que páginas são as mais importantes a serem indexadas.

Se a sua loja possui variação de cor de um mesmo produto e foram criadas páginas com conteúdo idêntico e URLs diferentes para cada um deles, você também deverá utilizar a tag canonical para que os robôs entendam qual página deve ser considerada.

Use o atributo no follow nos links que você não quer que o Google considere ou em links que apresentarão conteúdo duplicado.

Não permitir comentários sobre os produtos

Faça seu cliente gerar conteúdo para sua loja. Além de criar conteúdo único para a sua página, os outros clientes saberão o que esperar do seu produto.

Atente-se para não filtrar comentários negativos, pois por mais incrível que pareça, produtos com algum comentário negativo vendem muito mais do que produtos que só apresenta comentários positivos.

Isso faz com que o seu cliente confie na qualidade dos seus produtos e gera uma expectativa real do que esperar. Sem falar que produtos que só possuem elogios acabam sempre caindo na desconfiança do consumidor que acaba tendo a impressão de que os comentários são falsos ou forjados. Filtre apenas comentários ofensivos ou desrespeitosos.

Como se isso tudo já não fosse motivo o suficiente pra disponibilizar comentários na sua loja, sua página ainda acaba sendo atualizada com mais frequência, e para os buscadores, a data de atualização é bastante importante e aumenta a relevância da sua loja.

Ausência de uma estratégia de SEO offpage

Outro dos principais erros de sSEO no e-commerce é a falta de uma estratégia de SEO offpage, um dos pilares da otimização de sites para ferramentas de busca, muitas vezes relegada a um segundo plano.

O SEO off page, ou link building, como também é conhecido, cuida da criação de links relevantes para o site. Como este é um dos principais fatores para a obtenção de uma boa posição nas páginas de respostas do Google, sua ausência certamente será prejudicial.

Seguindo esses passos, com certeza você verá um grande impacto na indexação da sua loja e um aumento significativo de tráfego orgânico. Mantenha-se informado sobre os principais erros de SEO no e-commerce e outros assuntos assinando a nossa Newsletter.

Por Diego Jusinskas no Blog da Vtex

Os principais erros de SEO no e-commerce
5 (100%) 8 voto[s]