Jovens ou adultos? Quem são os maiores usuários das redes sociais

Você acha que os trabalhadores mais jovens, idealistas e recém-saídos da faculdade são os verdadeiros usuários de redes sociais em ambientes corporativos? Bem, pense novamente.

De acordo com um estudo da consultoria Forrester Consulting, a Geração X – pessoas entre 29 e 49 anos – são as principais responsáveis pela implantação e pelo uso de sites como Facebook e Twittter dentro das empresas.

Além disso, o relatório, que foi patrocinado pela Citrix Systems, também observou que logo depois da geração X, os Baby Boomers, com mais de 55 anos, foram os mais propensos a usar ferramentas sociais no local de trabalho do que a geração Y – que varia de 15 a 28 anos.

“Sabemos por nossa própria experiência que a força de trabalho está descentralizada e móvel de uma maneira como nunca se viu, e que as pessoas estão utilizando cada vez mais a tecnologia para ajudá-los a colaborar a distância com colegas e clientes”, disse Bernardo de Albergaria, vice-presidente da Citrix, em um comunicado.

Para o relatório, a companhia entrevistou 797 profissionais de informação e mostrou que 40% dos trabalhadores da geração Y utilizam mídias sociais para negócios diariamente. Já entre os trabalhadores com 55 anos ou mais, esse índice é de 50%, um crescimento de 79% em relação ao ano passado.

A pesquisa também observou o crescimento de ferramentas de colaboração. A utilização de videoconferência, por exemplo, foi de 56%, enquanto o uso de sites de compartilhamento de documentos foi de 55% e conferência na Web de 52%.

Já em 2009, um estudo da empresa iStrategyLabs mostrou que o número de usuários do Facebook com idade superior a 55 anos estava crescendo, enquanto os usuários mais jovens, principalmente, em idade escolar ou universitária estavam em declínio.

Especificamente, ele descobriu que a quantidade de participantes com mais de 55 anos cresceu 513,7% em um período de apenas seis meses.

Fonte: IDG Now

Maiores usuários das redes sociais
Avalie este artigo