Muito se fala em dicas para e-commerce e ideias inovadoras para as Lojas Virtuais. Todo o estudo, leitura e ensinamentos são sempre bem-vindos para aumentar a taxa de conversão e devem, se possível,  ser pelo menos testado

O e-commerce brasileiro cresce a cada dia, não somente em números de transações, faturamento e e-consumidores, mas também em quantidade de lojas virtuais de todos os segmentos.

Mas o que chamo atenção é:  Estamos fazendo o básico ?

Eu costumo dizer que ser simples, não é ser primário, é cumprir o papel de oferecer aos consumidores uma sensação de poder comprar o que querem de forma direta, sem enrolação ou perguntas (durante as escolha) que tiram o foco naquele momento.

Muito me criticam sobre minha tese de buscar alternativas de ABOLIR os CARRINHOS DE COMPRAS e ter lojas direcionadas para produtos específicos. Mas isso, neste conceito é uma forma e alternativa de direcionar a compra.

Teremos e já estamos vendo no mercado muitos e-commerce em HotSites de produtos específicos (sem carrinhos) daqui pra frente, muitos deles extraídos de grandes plataformas ou lojas virtuais.  Além disso, por que não você achar uma imagem ou um título de um produto no Google ou no FaceBook, por exemplo, que te leve diretamente a página de confirmação de compra? , SEM precisar fazer login, colocar em carrinhos de compras e etc.. Basta escolher a cor/tamanho/tipo que te interessa e ir diretamente ao pagamento. SIMPLES ASSIM!

Como disse, claro que as dicas sobre aumento de conversão são super importantes para lojas virtuais, como: recomendações, vídeos, atendimento OnLine, usabilidade, segurança, entre outras. Mas o que estou chamando atenção é para uma maneira diferente de vender OnLine produtos específicos.

Menos cliques, mais rápido e direto e com todas as formas de pagamento possíveis a disposição do e-consumidor, é nisso que eu acredito, como ALTA CONVERSÃO.

Em ambas as formas de venda, seja simples como eu recomendo aqui neste post, ou completa como grandes lojas de varejo OnLine. Todos devem pensar em Social Commerce, em estratégias virtuais e integradas  para relacionamento nas Redes Sociais. Mas esse assunto, fica pra outro post.

Avalie este artigo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here