Plano de negócios para e-commerce

0
2291
Elaboração de um plano de negócios para e-commerce

Plano de negócios para e-commerce

Elaboração de um plano de negócios para e-commerce
Elaboração de um plano de negócios para e-commerce

A elaboração de um plano de negócios para e-commerce é uma das etapas mais decisivas para que deseja montar um e-commerce, muito embora alguns empresários encarem essa etapa como apenas um passo burocrático do negócio. Uma análise detalhada das variáveis que compoem um projeto de comércio eletrônico associada a um planejamento detalhado dos passos a serem dados durante o projeto fornece uma visão ampla do que é necessário para o sucesso do empreendimento. A verdade revelada por inúmeras pesquisas é que a taxa de mortalidade das lojas virtuais brasileiras tem como grande responsável a falta de planejamento inicial.

Em análise de inventimentos digitai temos o plano de negócios para e-commerce como um poderoso aliado para a eliminação dos riscos não sistêmicos do negócio e de certa forma reduzindo de forma significativa os riscos do empreendimento já que um plano de negócios bem elaborado tem a capacidade de antecipar situações potencialmente perigosas para o projeto de e-commerce. É por isso que colocamos o planejamento do e-commerce como etapa fundamental para qualquer iniciativa no comércio online.

Plano de negócios para e-commerce e sua estrutura

Em um plano de negócios para e-commerce o empreendedor estará colocando de forma escrita todas as etapas e variáveis que envolvem a criação de uma loja virtual ou outro modelo de negócio para venda de produtos ou serviços pela Internet.

Tópicos a serem definidos em um plano de negócios para e-commerce:

  • Diretrizes sobre a proposta e objetivos do empreendimento;
  • Definição sobre o mix de produtos, suas origens e logística de recepção;
  • Análise e definição do mercado em que o e-commerce irá atuar;
  • Plano de marketing para o empreendimento, tanto digital quanto convencional;
  • Análise financeira do projeto e suas projeções de desempenho futuro;
  • Determinação de um cronograma de atividades e metas a serem alcançadas.

O plano de negócios para e-commerce irá funcionar como roteiro para a elaboração do projeto de e-commerce. É claro que partindo de modelos sempre haverá alguma alteração a ser feita na versão original, mas é justamente ai que reside a arte do negócio. Uma série não organizada de anotações, endereços na Internet e fragmentos de artigos não pode de maniera alguma ser chamado de “plano de negócios para e-commerce”. São apenas rascunhos.

Um dos maiores erros em um plano de negócios para e-commerce é justamente deixá-lo como um esboço do que você realmente deveria fazer.

Itens a serem avaliados em um plano de negócio para e-commerce

Ao elaborar o seu plano de negócios para um projeto de comércio eletrônico o empreendedor deve ficar atento a alguns detalhes que fazem toda a diferença em termos de estratégia de planejamento para um negócio online.

  • Um plano de negócios para e-commerce é uma peça única, portanto, não copie simplesmente um trabalho já executado porque ele não satisfará as exigências do seu projeto já que as circunstâncias são diferentes;
  • Um projeto de e-commerce precisa ser realista, portanto pesquise preços reais na área de desenvolvimento e prestação de serviços para o comércio eletrônico e fuja de soluções improvisadas como o sobrinho ou vizinho que “mexe com Internet”;
  • O planejamento de um comércio eletrônico vai desde um simples sinal de Internet estável até os meandros da parte que envolve a logística de entrega e também reversa. Não deixe nada de fora para não ter surpresas depois;
  • Um plano de negócios para empresas da área de tecnologia não pode nunca deixar de lado a questão da atualização profissional das pessoas envolvidas;
  • Os planos de uma loja virtual devem incluir também etapas que no início parecem estar muito longe como, por exemplo, expansão e até mesmo a abertura de uma franquia virtual na área do comércio online.

Com um plano de negócios para e-commerce bem elaborado, as chances do seu projeto de comércio eletrônico se transformar em um sucesso empresarial certamente será muito maior.

Avalie este artigo